NOTÍCIAS

Montar um lar com a cara do casal pode não ser tão fácil quanto parece. Ao deixar a casa dos pais ou o apartamento onde morava sozinho, cada parceiro deve ter em mente que o novo ninho precisa de harmonia e atender ao gosto dos dois. A primeira regra é esquecer aquela máxima que, depois do casamento, duas pessoas viram uma só. Gostos e necessidades particulares devem ser respeitados.

Virna Carvalho defende que, da mesma forma que o planejamento para a festa e a cerimônia de casamento são importantes, planejar a decoração da casa nova é primordial para iniciar a vida em um novo imóvel. Na opinião dela, algumas vezes será necessário ceder em prol da felicidade do outro, pois isso também faz parte da vida a dois.

— O novo cantinho deve retratar o gosto do casal, mas sem estourar o orçamento, evitando que já entrem nessa nova etapa da vida endividados — afirma Virna.

Ela chama a atenção para a harmonia do quarto e diz que a cama deve ser muito confortável, além de coerente com o tamanho do cômodo:

— Não adianta nada ter uma cama king e faltar espaço de circulação, por exemplo.

Projeto das arquitetas Carol Freitas e Gabriela Eloy Foto: Divulgação

Hannah Cabral e Monique Pampolha, do Studio MH Arquitetura, apostam que a sobriedade também agrada a novos casais. Em um projeto recente, a dupla de arquitetas apostou em tons de marrom e bege. O toque moderno ficou por conta da parede de cimento queimado.

Já o arquiteto Maurício Nóbrega dá outras dicas pertinentes para novos casais:

— Se o apartamento não for próprio, aposte em tudo que pode ser transportado para um futuro imóvel, como estantes desmontáveis e móveis componíveis. E “assalte” a casa dos seus pais. Muitas vezes, eles têm peças que estão sem uso, mas que podem ser repaginadas.

Fonte: O Globo

Copyright Portal Obra24horas | 2005-2018
Contato: (011) 3124-5324 | Termos de Uso