ARTIGOS

Em um condomínio, o zelador é a profissional mais próximo dos moradores. Ele também é o líder dos funcionários e deve fiscalizar e manter o bom funcionamento do local, cuidar de todas as atividades que envolvam os outros colaboradores, fornecedores e estar sempre disponível. 

Profissional fundamental para assegurar o bom convívio, a segurança e a disciplina em todas áreas comuns, o zelador precisa ter consciência do seu papel no dia a dia do condomínio e entender que, além de ser o braço direito do síndico, é um gestor predial, com funções estratégicas para o bom o funcionamento do local. 

De acordo com a Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo (AABIC), existem no Estado cerca de 57.220 condomínios, sendo 24.360 só na capital paulista. Número expressivo que demonstra grandes oportunidades para os profissionais que estiverem preparados para esse promissor mercado. 

O primeiro ponto que esse profissional precisa se preocupar para se destacar é focar em sua capacitação profissional. Cursos de atualizações e educação continuada são fundamentais para a carreira. Além disso, é necessário se perguntar: qual a imagem que estou passando aos moradores e gestores? 

O zelador precisa transmitir, de imediato, segurança, competência e credibilidade. Por isso, investir no desenvolvimento pessoal com foco em comunicação, liderança, relacionamento interpessoal, motivação, apresentação pessoal e postura profissional é importante. 

Planejamento, organização e controle são outras características esperadas desse novo perfil de um bom gestor predial. Como as atividades a serem desenvolvidas no dia a dia são muitas, desde a fiscalização com segurança, inspeção das áreas comuns, análise das instalações prediais, elétricas e hidráulicas e atendimento aos condôminos, colaboradores e terceiros, o zelador precisa organizar suas atividades de forma eficiente, caso contrário, irá se estressar e não entregará nada. Para não falhar, o segredo é planejar! 

Não é exagero falarmos que um condomínio é um organismo vivo e o gestor predial que tiver a consciência do seu papel nesse ecossistema, terá o seu futuro garantido. Pois, diferente de outros segmentos de mercado, não há tecnologia substitua a figura desse profissional. A diferença e as oportunidades estão em quem se preparar melhor.

O resultado será notado por todos, o zelador tem que ser a voz do prédio, afinal, é ele que conhece os moradores e suas necessidades, equipe, síndicos e administradora. Quando um zelador é visto como um educador, um professor que todos respeitam, sentem confiança, lidera e inspira, pode ter certeza que esse é o profissional com garantia de sucesso hoje e sempre.

 

*Fernando Fornícola é presidente da Habitacional.

 

Artigo escrito por Fernando Fornícola

Copyright Portal Obra24horas | 2005-2018
Contato: (011) 3124-5324 | Termos de Uso